Parque Serra da Cantareira – Engordador

 

Se você está em São Paulo, cansado do trânsito, poluição, barulho e todo o resto que a vida da capital pode lhe oferecer de ruim, quer dar uma escapada mas está sem tempo de descer para a praia, o Parque Serra da Canteira pode salvar seu dia!

Localizado na região norte da capital o Núcleo Engordador, parte do Parque Serra da Cantareira que possui mais três áreas (Núcleo Pedra Grande, Núcleo Águas Claras e Núcleo Cabuçu), conta com quedas d’águas que podem refrescar um dia de calor.

nucleo-engordador-represa

Represa do Núcleo do Engordador, uma das paisagens mais bonitas do Parque Serra da Cantareira (Foto: Carlos Ferreira)

Mas para chegar a essas quedas d’água não vai ser tão fácil, existem trilhas no parque. No total são três abertas ao público. A trilha do Macuco (dura cerca de 40 minutos, com um total de 746 metros); Trilha de Mountain Bike ( proibida pra pedestres, com 1h30 de duração e 7 KM); e Trilha da Cachorreira ( 1h30 de duração, 3 KM e dá acesso as quedas d’águas). Todas as trilhas são circulares (começam e terminam em um mesmo ponto), portanto não precisa ter medo de se perder no meio do caminho.

O parque ainda conta com represa (não é permitido nadar), playground , sanitários, brinquedoteca, área para piquenique e centro de visitantes. Além disso, no Núcleo Engordador do Parque Serra da Cantareira está a Casa da Bomba, que foi construída em 1894 e fazia parte do primeiro sistema de reabastecimento de São Paulo.

cachoreira-serra-cantareira

Uma das quedas d’água que podem ser vistas no Parque Serra da Cantareira (foto: Carlos Ferreira)

Para entrar no parque você para uma pequena taxa. Preço integral R$ 9,00, estudantes pagam meia R$ 4,50, crianças menores de 12 anos, adultos com mais de 60 e pessoas com deficiência não pagam. Para estacionar carros pagam R$ 6,00, motos R$ 3, vans e micro-ônibus R$ 12.

O horário de funcionamento ao público é de sábado, domingos e feriados das 8h às 17h e é necessário verificar com a administração do núcleo o horário limite para a realização da trilha. 

cachoreira-nucleo-engordador

Última queda d’água da Trilha da Cachoeira, nela é possível molhar o corpo e se refrescar da longa caminhada (foto: Carlos Ferreira)

Nossa opinião: Parque Serra da Cantareira

Se você está sem nada para fazer em São Paulo e gosta de natureza, vá ao Núcleo Engordador. É um passeio que oferece um bom contato com a natureza, além de uma boa oportunidade de esticar as pernas.

casa-fabrica-nucleo-engordador

No Núcleo Engordador está a Casa da Bomba, criada em 1894 fez parte do primeiro sistema de abastecimento de São Paulo (Foto: Carlos Ferreira)

Uma cachoeira na cidade de São Paulo é uma coisa praticamente impensável, mas ela existe, está preservada e no Parque Serra da Cantareira. Poder tomar um banho de cachoeira gelado em uma tarde de calor na cidade cinza é genial!

As trilhas são muito fáceis de se fazer, nunca levamos mais de uma hora em qualquer uma delas (já fomos acompanhados de crianças de 14 anos). Se você está pensando em sair do sedentarismo é uma ótima opção para conhecer uma nova paisagem e deixar a preguiça de lado.

cachoreira-engordador

Localização e preservação da natureza são os espetáculos do Parque Serra da Cantareira (foto: Carlos Ferreira)

Como chegar: Parque Serra da Cantareira

O Núcleo Engordador do Parque Serra da Cantareira está na zona norte da capital de São Paulo, o endereço é: Av. Cel. Sezefredo Fagundes (altura do nº 19.100). É uma região remota, portanto, não espere encontrar muitos comércios pela região. Leve tudo o que precisar consigo!

 

Como fizemos

Como somos adeptos do transporte público, chegamos até o Parque Serra da Cantareira por meio dele. Pegamos o metrô até a estação Santana (Linha 1 – Azul; R$ 3,80) e de lá embarcamos no ônibus Metro Santana X Cachoeira, nº 1783-10 (R$ 1,65 = integração metrô – ônibus Bilhete Único) e descemos na altura do número 19.000. Se for seguir este caminho, pergunte ao cobrador onde descer a numeração da avenida é um pouco confusa.

 

De Carro

A Rodovia Fernão Dias é a mais próxima que dá acesso ao Núcleo do Engordador, pegue-a sentido Belo Horizonte e vá até aproximadamente o KM 80, lá haverá um retorno para São Paulo que também serve de acesso para a Av. Sezefredo Fagundes, você andará cerca de 650 metros e encontrará uma entrada à esquerda, com uma placa bem escondida indicando o Parque Estadual da Cantareira, basta subir esta rua que você estará na entrada do parque.

 

entrada-parque-serra-cantareira

Fique atento a rua à esquerda que dá acesso ao Parque Estadual da Cantareira, ela fica um pouco escondida e mal sinalizada (foto: Reprodução – Google)

 

Avaliação Final: Parque Serra da Cantareira

Ótima opção para quem deseja um pouco de ar puro no caos de São Paulo, ter cachoeira perto da capital é um privilégio. O Núcleo Engordador leva Nota 7 do Viva o Brasil, acreditamos que as trilhas poderiam ser um pouco mais longas e seria mais legal se pudêssemos mergulhar nas quedas d’água, mas infelizmente elas são rasas e é só possível molhar a o corpo,  a natureza que nos restou não foi generosa nesse sentido, mas mesmo assim vale a pena conhecer o lugar!

 

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Preecha os campos obrigatórios marcados com (*)